O futebol e as bolsas de estudo nas High-Schools dos Estados Unidos

Por RALF FURTADO.

O esporte é parte fundamental no currículo de todos os estudantes nos Estados Unidos. Se destacar na prática de um esporte, além de garantir uma generosa economia de dinheiro para a família, traz a segurança da colocação em uma das centenas de universidades americanas, que estão sempre em busca dos melhores atletas para fortalecer suas equipes. 

foto1337
O boliche é um dos esportes que fazem parte do currículo de algumas high schools dos EUA. (Foto-MSN)

Milhares de bolsas de estudos são distribuídas todos os anos para os atletas de ponta que praticam as mais variadas modalidades esportivas, algumas delas impensáveis para nós brasileiros.

Esportes com o Boliche, Golf, Tênis, Lacrosse, Rodeio, Badminton, Tiro, Hóquei no gelo, Equitação e Ciclismo, estão entre os esportes ensinados nas escolas, que podem dar ao estudante o benefício de receber uma das disputadas e desejadas “Athletic Scholarships”, como são chamadas as Bolsas de Estudos nos Estados Unidos..

LEIA TAMBÉM: As maiores diferenças observadas por brasileiros nos Estados Unidos

LEIA TAMBÉM: Os 10 maiores obstáculos para brasileiros que mudam para os Estados Unidos

LEIA TAMBÉM: A importância de continuar falando Português nos Estados Unidos

Os principais esportes, como o futebol americano, basquete e o baseball, recebem naturalmente mais bolsas de estudos que os outros, pois movimentam fortunas em patrocínios e doações, que são em parte revertidas em bolsas para os atletas que disputam essas modalidades.

O “nosso” futebol, ainda não está entre os esportes que mais recebe bolsas de estudos nos Estados Unidos, mas a cada ano que passa, crescem muito o número de bolsas que são oferecidas aos que conquistam o privilégio de estudar e jogar em uma universidade americana, utilizando bolsas adquiridas através do esporte Bretão.

As High-Schools, que são equivalentes as escolas de Ensino Médio no Brasil, são o vestibular dos atletas que desejam conseguir uma “Athletic Scholarships”. Se destacar nos treinos, jogos e torneios é fundamental para quem quer ser visto por um dos SCOUTS “olheiros”, sempre presentes nas High-Schools em busca de jovens revelações.

foto1336
Existem centenas de times de futebol nas high schools americanas, as peneiras são sempre muito concorridas. (Foto-MSN)

Todos os anos, milhares de jovens atletas se inscrevem nos Tryouts “peneiras” das High-Schools em busca de uma vaga em uma das diversas equipes, de todos os esportes praticados em cada escola. Cada escola tem seus esportes, que variam muito de acordo com a região do país, suas preferencias locais e culturais e o clima.

As High-Schools sempre montam duas equipes de futebol, o time principal chamado Varsety, formado pelos jogadores que mais se destacaram nos Tryouts e o JV, ou Junior Varsety, que seria o equivalente ao time “B “ dos clubes de futebol. Essa seleção não é fixa e os atletas podem mudar de time mesmo durante o decorrer da temporada. Cada time seleciona em média 18 atletas para cada equipe, o que significa que apenas 36 meninos e 36 meninas, são selecionados para compor as equipes de futebol a cada ano. Um número baixo, quando se sabe que podem passar de 500 o número de alunos inscritos nesses Tryouts em algumas High-Schools.

foto1335
Os campos podem ter grama natural ou sintética e geralmente são compartilhados com o futebol americano. (Foto-MSN)

As vagas nas equipes das High-School são muito concorridas, não só pelas bolsas de estudo, mas também por que a vida de um atleta de uma equipe escolar é uma experiência única. O aluno ganha respeito, destaque e em algumas situações pode virar um ídolo local, pois o esporte praticado nas escolas é levado muito a sério nos Estados Unidos. Alguns jogos escolares são inclusive transmitidos ao vivo pelas emissoras de TV locais. Os estádios ficam cheios nos dias de jogos, mesmo com ingressos cobrados, o público comparece. Pois todos sabem que a renda da bilheteria é utilizada para custear as despesas das equipes.

foto1344
Todo escola possui dois times, o Varsity e o JV, o Varsity, que é o time principal, disputa um torneio que pode tornar a equipe campeã nacional. O JV disputa apenas um pequeno torneio local. (Foto-MSN)

Todas escolas possuem campos, alguns de grama natural, outros de grama sintética, que são geralmente compartilhados com o futebol americano. E não existe conflito de datas na utilização dos espaços, pois as temporadas são sempre em datas diferentes, pré-definidas nacionalmente.



Assim como no futebol profissional, o futebol disputado nas High-Schools possui um calendário bem definido, com jogos amistosos antes do início das competições, premiações e possibilidade de disputar o campeonato estadual e o nacional, caso o time conquiste o direito a vaga. Times que vencem esses torneios recebem muitas homenagens na escola e um forte reconhecimento da mídia, podendo virar manchete de jornais e de programas esportivos na TV.

GRAU CURRICULAR

DAS HIGH SCHOOLS AMERICANAS

       ANO e DESCRIÇÃO                

IDADE

9 º Ano ( Freshman )

14-15

10 º Ano ( Sophomore )

15-16

11 º Ano ( Junior )

16-17

12 º Ano ( Senior )

17-18

Assista o vídeo que mostra o dia de uma final do campeonato regional de uma equipe Varsity::



VIDA EUA: Como morar barato nos Estados Unidos
VIDA EUA: Os 10 maiores obstáculos para brasileiros que mudam para os Estados Unidos

os mais lidos809 times!

COMPARTILHAR